folheto

ULTIMO FOLHETO !!!

Todos os domingos à tarde, depois do culto da manhã na igreja, o
pastor e seu filho de 11 anos saíam pela cidade e entregavam folhetos evangelísticos.
Numa tarde de domingo, quando chegou à hora do pastor e seu filho saírem pelas ruas com os folhetos, fazia muito frio lá fora e também chovia muito. O menino se agasalhou e disse:
-‘Ok, papai, estou pronto. ‘
E seu pai perguntou:
-‘Pronto para quê?’:
-‘Pai, está na hora de juntarmos os nossos folhetos e sairmos. ‘
Seu pai respondeu:

-‘Filho, está muito frio lá fora e também está chovendo muito. ‘
O menino olhou para o pai surpreso e perguntou:
-‘Mas, pai, as pessoas não vão para o inferno até mesmo em dias de chuva?’
Seu pai respondeu:
-‘Filho, eu não vou sair nesse frio. ‘

Triste, o menino perguntou:
-‘Pai, eu posso ir? Por favor!’
Seu pai hesitou por um momento e depois disse:
-‘Filho, você pode ir. Aqui estão os folhetos. Tome cuidado, filho. ‘
-‘Obrigado, pai!’
Então ele saiu no meio daquela chuva. Este menino de onze anos
caminhou pelas ruas da cidade de porta em porta entregando folhetos evangelísticos a todos que via.
Depois de caminhar por duas horas na chuva, ele estava todo molhado, mas faltava o último folheto. Ele parou na esquina e procurou por alguém para entregar o folheto, mas as ruas estavam totalmente desertas. Então ele se virou em direção à primeira casa que viu e caminhou pela calçada até a porta e tocou a campainha. Ele tocou a campainha, mas ninguém respondeu.
Ele tocou de novo, mais uma vez, mas ninguém abriu a porta. Ele esperou, mas não houve resposta.
Finalmente, este soldadinho de onze anos se virou para ir embora, mas algo o deteve. Mais uma vez, ele se virou para a porta, tocou a campainha e bateu na porta bem forte. Ele esperou, alguma coisa o fazia ficar ali na varanda. Ele tocou de novo e desta vez a porta se abriu bem devagar. De pé na porta estava uma senhora idosa com um olhar muito triste. Ela perguntou gentilmente:
-‘O que eu posso fazer por você, meu filho?’
Com olhos radiantes e um sorriso que iluminou o mundo dela, este
pequeno menino disse:
-‘Senhora, me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de dizer que JESUS A AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último folheto que lhe dirá tudo sobre JESUS e seu grande AMOR. ‘
Então ele entregou o seu último folheto e se virou para ir embora.
Ela o chamou e disse:
-‘Obrigada, meu filho!!! E que Deus te abençoe!!!’
Bem, na manhã do seguinte domingo na igreja, o Papai Pastor estava no púlpito. Quando o culto começou ele perguntou:
– ‘Alguém tem um testemunho ou algo a dizer?’
Lentamente, na última fila da igreja, uma senhora idosa se pôs de pé.
Conforme ela começou a falar, um olhar glorioso transparecia em seu rosto.
– ‘Ninguém me conhece nesta igreja. Eu nunca estive aqui. Vocês sabem antes do domingo passado eu não era cristã. Meu marido faleceu a algum tempo deixando-me totalmente sozinha neste mundo. No domingo passado, sendo um dia particularmente frio e chuvoso, eu tinha decidido no meu coração que eu chegaria ao fim da linha, eu não tinha mais esperança ou vontade de viver.
Então eu peguei uma corda e uma cadeira e subi as escadas para o sótão da minha casa. Eu amarrei a corda numa madeira no telhado, subi na cadeira e coloquei a outra ponta da corda em volta do meu pescoço. De pé naquela cadeira, tão só e de coração partido, eu estava a ponto de saltar, quando, de repente, o toque da campainha me assustou. Eu pensei:
-‘Vou esperar um minuto e quem quer que seja irá embora. ‘
Eu esperei e esperei, mas a campainha era insistente; depois a pessoa que estava tocando também começou a bater bem forte. Eu pensei:
-‘Quem neste mundo pode ser? Ninguém toca a campainha da minha casa ou vem me visitar. ‘
Eu afrouxei a corda do meu pescoço e segui em direção à porta,
enquanto a campainha soava cada vez mais alta.
Quando eu abri a porta e vi quem era, eu mal pude acreditar, pois na minha varanda estava o menino mais radiante e angelical que já vi em minha vida. O seu SORRISO, ah, eu nunca poderia descrevê-lo a vocês! As palavras que saíam da sua boca fizeram com que o meu coração que estava morto há muito tempo SALTASSE PARA A VIDA quando ele exclamou com voz de querubim:,
-‘Senhora, eu só vim aqui para dizer QUE JESUS A AMA MUITO. ‘
Então ele me entregou este folheto que eu agora tenho em minhas mãos.
Conforme aquele anjinho desaparecia no frio e na chuva, eu fechei a porta e atenciosamente li cada palavra deste folheto.
Então eu subi para o sótão para pegar a minha corda e a cadeira. Eu não iria precisar mais delas. Vocês vêem – eu agora sou uma FILHA FELIZ DO REI!!!
Já que o endereço da sua igreja estava no verso deste folheto, eu vim aqui pessoalmente para dizer OBRIGADO ao anjinho de Deus que no momento certo livrou a minha alma de uma eternidade no inferno. ‘
Não havia quem não tivesse lágrimas nos olhos na igreja. E quando gritos de louvor e honra ao REI ecoaram por todo o edifício,
o Papai Pastor desceu do púlpito e foi em direção a primeira fila onde o seu anjinho estava sentado. Ele tomou o seu filho nos braços e chorou copiosamente.
Provavelmente nenhuma igreja teve um momento tão glorioso como este e provavelmente este universo nunca viu um pai tão transbordante de amor e honra por causa do seu filho…

Exceto um. Este Pai(DEUS) também permitiu que o Seu Filho viesse a um mundo frio e tenebroso. Ele recebeu o Seu Filho de volta com gozo

indescritível, todo o céu gritou louvores e honra ao Rei, o Pai

assentou o Seu Filho num trono acima de todo principado e potestade e lhe deu um nome(JESUS) que é acima de todo nome.

Bem aventurados são os olhos que vêem esta mensagem. Não deixe que ela se perca, leia-a de novo e passe-a adiante.
Lembre-se: a mensagem de Deus pode fazer a diferença na vida de alguém próximo a você.
Por isso…
– Me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de
dizer que JESUS TE AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último folheto.

 

 

 

 

PENSAMENTO
> Às vezes você chora e ninguém vê as suas lágrimas…
> Às vezes você se entristece e ninguém percebe o seu abatimento..
> Às vezes você sorri e ninguém repara na beleza do seu sorriso…
> Agora… PEIDA pra ver…
> ____________ _________ _________ _________ _______
>
>
> LÓGICA
> O garoto apanhou da vizinha, e a mãe furiosa foi tomar satisfação:
> – Por que a senhora bateu no meu filho?
> – Ele foi mal-educado, e me chamou de gorda.
> – E a senhora acha que vai emagrecer batendo nele?
> ____________ _________ _________ _____
>
>
> NO BALCÃO DA ALFÂNDEGA
> – Seu nome ?
> – Abu Abdalah Sarafi.
> – Sexo ?
> – … Quatro vezes por semana…
> – Não, não, não! Homem ou mulher?
> – Homem, mulher… algumas vezes camelo…
> ____________ _________ _________ _____
>
> DIVISÃO DE BENS
> Dois amigos se encontram depois de muito anos.
> – Casei, separei e já fizemos a partilha dos bens.
> – E as crianças?
> – O juiz decidiu que ficariam com aquele que mais bens recebeu.
> – Então ficaram com a mãe?
> – Não, ficaram com nosso advogado.
> ____________ _________ _________ _____
>
>
>
> REGIME DE EMAGRECIMENTO
> – Doutor, como eu faço para emagrecer?
> – Basta a senhora mover a cabeça da esquerda para direita e
> da direita para esquerda.
> – Quantas vezes, doutor?
> – Todas as vezes que lhe oferecerem comida.
> ____________ _________ _________ ____
>
>
> CAIPIRA
> O representante do censo pergunta ao caipira:
> – Quantos filhos o senhor tem?
> – Bão… as minina são seis… os minino são quatro…
> – Então sua prole é grande.
> – Grande até que não, mas tá sempre dura…
> ____________ _________ _________ _____
>
>
> BODAS
> Dois amigos conversam sobre as maravilhas do Oriente.
> Um deles diz:
> – Quando completei 25 anos de casado, levei minha mulher ao Japão.
> – Não diga? E o que pensa fazer quando completarem 50?
> – Volto lá para buscá-la…
> ____________ _________ _________ _____
>
>
> EMERGÊNCIA
> Um eletricista vai até a UTI de um hospital, olha para os pacientes
> ligados a diversos tipos de aparelhos e diz:
> – Respirem fundo: vou mudar o fusível.
> ____________ _________ _________ _____
>
>
> CONFISSÃO
> O condenado à morte esperava a hora da execução, quando chegou o
> padre:
> – Meu filho, vim trazer a palavra de Deus para você.
> – Perda de tempo, seu padre. Daqui a pouco vou falar com Ele,
> pessoalmente. Algum recado?
>
> Atenciosamente.
>>

 

 

 

 

SERÁ QUE DEUS É CULPADO ?

Finalmente a verdade é dita na TV Americana.

A filha de Billy Graham estava sendo entrevistada no Early Show e Jane Clayson perguntou a ela:

‘Como é que Deus teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro?’

Anne Graham deu uma resposta profunda e sábia:

‘Eu creio que Deus ficou profundamente triste com o que aconteceu, tanto quanto nós.

Por muitos anos temos dito para Deus não interferir em nossas escolhas, sair do nosso governo e sair de nossas vidas.

Sendo um cavalheiro como Deus é, eu creio que Ele calmamente nos deixou.
Como poderemos esperar que Deus nos dê a sua benção e a sua proteção se nós exigimos que Ele não se envolva mais conosco?’

À vista de tantos acontecimentos recentes; ataque dos terroristas, tiroteio nas escolas, etc…

Eu creio que tudo começou desde que Madeline Murray O’hare (que foi assassinada), se queixou de que era impróprio se fazer oração nas escolas Americanas como se fazia tradicionalmente, e nós concordamos com a sua opinião.

Depois disso, alguém disse que seria melhor também não ler mais a Bíblia nas escolas…

A Bíblia que nos ensina que não devemos matar, roubar e devemos amar o nosso próximo como a nós mesmos. E nós concordamos com esse alguém.

Logo depois o Dr.. Benjamin Spock disse que não deveríamos bater em nossos filhos quando eles se comportassem mal, porque suas personalidades em formação ficariam distorcidas e poderíamos prejudicar sua auto estima (o filho dele se suicidou) e nós dissemos:

‘Um perito nesse assunto deve saber o que está falando’.

E então concordamos com ele.

Depois alguém disse que os professores e diretores das escolas não deveriam disciplinar nossos filhos quando se comportassem mal.

Então foi decidido que nenhum professor poderia disciplinar os alunos…(há diferença entre disciplinar e tocar).

Aí, alguém sugeriu que deveríamos deixar que nossas filhas fizessem aborto, se elas assim o quisessem.

E nós aceitamos sem ao menos questionar.

Então foi dito que deveríamos dar aos nossos filhos tantas camisinhas, quantas eles quisessem para que eles pudessem se divertir à vontade.

E nós dissemos: ‘Está bem!’

Então alguém sugeriu que imprimíssemos revistas com fotografias de mulheres nuas, e disséssemos que isto é uma coisa sadia e uma apreciação natural do corpo feminino.

E nós dissemos:

‘Está bem, isto é democracia, e eles tem o direito de ter liberdade de se expressar e fazer isso’.

Depois uma outra pessoa levou isso um passo mais adiante e publicou fotos de Crianças nuas e foi mais além ainda, colocando-as à disposição da internet.

Agora nós estamos nos perguntando porque nossos filhos não têm consciência e porque não sabem distinguir o bem e o mal, o certo e o errado;

porque não lhes incomoda matar pessoas estranhas ou seus próprios colegas de classe ou a si próprios…

Provavelmente, se nós analisarmos seriamente, iremos facilmente compreender:

nós colhemos só aquilo que semeamos!!!

Uma menina escreveu um bilhetinho para Deus:
‘Senhor, porque não salvaste aquela criança na escola?’
A resposta dele:
‘Querida criança, não me deixam entrar nas escolas!!!’

É triste como as pessoas simplesmente culpam a Deus e não entendem porque o mundo está indo a passos largos para o inferno.

É triste como cremos em tudo que os Jornais e a TV dizem, mas duvidamos do que a Bíblia, ou do que a sua religião, que você diz que segue ensina.

É triste como alguém diz:

‘Eu creio em Deus’.

Mas ainda assim segue a satanás, que, por sinal,também ”Crê” em Deus.

É engraçado como somos rápidos para julgar mas não queremos ser julgados!

Como podemos enviar centenas de piadas pelo e-mail, e elas se espalham como fogo, mas, quando tentamos enviar algum e-mail falando de Deus, as pessoas têm medo de compartilhar e reenviá-los a outros!

É triste ver como o material imoral, obsceno e vulgar corre livremente na internet, mas uma discussão pública a respeito de Deus é suprimida rapidamente na escola e no trabalho.

Você mesmo pode não querer reenviar esta mensagem a muitos de sua lista de endereços porque você não tem certeza a respeito de como a receberão, ou do que pensarão a seu respeito, por lhes ter enviado.

Não é verdade?

Gozado que nós nos preocupamos mais com o que as outras pessoas pensam a nosso respeito do que com o que Deus pensa…

‘Garanto que Ele que enxerga tudo em nosso coração está torcendo para que você, no seu livre arbítrio, envie estas palavras a outras pessoas’.

Passe essa mensagem adiante, se acha que ela tem algum mérito.

Se não, ignore-a… e delete-a…

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s