Jesus Cristo.

Especial STUM: As cartas de Cristo III
Libertar-se das amarras e correntes

É forte demais o chamado recebido, para não escutá-lo, afinal, estou totalmente a serviço do Universo e é minha tarefa escrever sobre o que tão claramente me é intuído, e não buscar simplesmente entre as muitas possibilidades de temas atuais, para somente vir a agradar o maior número de pessoas.
Sou lembrado de avisar mais uma vez que estamos aqui de passagem, mas não a passeio e nem de férias. É como que um chamado carinhoso, mas firme, de Pai pra filho, uma súplica para que este perceba a Verdade Universal da existência, libertando-se de tudo que o limita, bloqueia, restringe; um pedido claro para deixar para trás crenças e dogmas que nos foram transmitidos à exaustão sem que tivéssemos condições de contestar, de expressar a recusa proveniente de nossa Alma, de nossa percepção divina que pede para ser ouvida e seguida mais e mais, a cada escolha, a cada momento.
É uma sensação aconchegante de paz, libertação, proteção, de pertencimento, todas as vezes que entro na vibração que “As cartas de Cristo” me trouxeram e continuam me proporcionando. Difícil de explicar o que sentimos, pois muito depende de cada pessoa, do nível de consciência individual… dá vontade de chamar todos os amigos e contar-lhes a boa nova, que se trata realmente da mensagem do Mestre e Irmão, que sua energia cristalina emana de suas palavras canalizadas após 2000 anos, que é ele mesmo, o “filho do homem” que conseguiu a Iluminação e que andou pela Palestina pregando a Verdade e o Amor Incondicional, a nos trazer hoje Conhecimento puro, aquele que coincide com algo que no fundo V. sentia, com aquilo que é real, que persuade sua Alma. Nada de fé cega, de palavras ou conceitos que enganam, distorcem, manipulam, desvirtuam. Só harmonia, alegria, respeito e tantos outros sentimentos elevados, que nos permitem desfrutar do ‘Reino dos Céus’ aqui na Terra.
Bem, não estamos mais falando sobre religiões, auto-intituladas representantes exclusivas na Terra de um deus cruel e punitivo, entidades atravessadoras em sua maioria, que separam, exploram, provocam conflitos sangrentos, mantêm as massas na escuridão; milhões e milhões de pobres pecadores curvados, esmagados pelo sentimento de culpa e pela ignorância, desconhecedores da necessidade absoluta da evolução espiritual.
Felizmente, existe esperança de transformação para alcançar a felicidade plena…
Confira abaixo as palavras do Mestre.
– “Então você entra no “Estado de Ser” que é “dirigido por Deus”. Isto é totalmente belo e glorioso. É amor, é generosidade, é cuidar dos demais como cuida de si mesmo, é não julgar, pois você aceita os outros tal como são, sabendo que também são filhos de “Deus” e que estão igualmente sob o cuidado do “Pai”. É felicidade sem medida, impossível de descrever, é sentir alegria pela beleza do mundo, é vida sem limite e energia aumentada, é saúde e é a satisfação de cada uma de suas necessidades mesmo antes de tê-las”.
Trata-se de resgatar de vez nossa linhagem divina, nosso poder inato e latente que ficou esmagado e congelado durante milênios de escuridão, negação e repressão e nos tornarmos finalmente seres despertos, com uma visão clara e completa das Leis da Existência que governam a natureza, a matéria, o Universo inteiro e tudo o que ele contém.
– “Em razão de que estas Leis são fundamentais para sua existência individualizada, é impossível evitá-las. Portanto, você não pode ignorar os problemas inerentes à sua existência individualizada e acreditar que “Deus” salvará você deles. Sua única esperança de finalmente escapar, de sair do círculo da experiência humana, é reconhecê-lo e admiti-lo e depois trabalhar minuto após minuto para transcendê-lo e por fim fundir-se e fazer-se “um”, em pureza de mente, coração e ação, com a Consciência Universal Amorosa – o “Pai” que faz o TRABALHO AMOROSO.
Ao mesmo tempo, ao crescer no conhecimento da verdadeira NATUREZA do “Pai” “em seu interior, transcendendo você, e em tudo o que lhe rodeia”, você chegará a possuir uma fé constante, à qual poderá recorrer em todas as circunstâncias para obter a inspiração, o poder e a elevação diretamente do “Pai” que está em seu interior e ao seu redor.
Você chegará a SABER que realmente é o “Pai” quem o apoia e o guia rumo ao Reino do “Pai Consciência Amorosa”.
Você verá clara e abundantemente que, embora o “Pai” seja universal, ele também é individual para você. Ele o conhece e é consciente do seu pensamento e de seus problemas. No “Pai Consciência Amorosa” estão à sua espera soluções perfeitas para serem reconhecidas por você. Quando você reconhecê-las, for flexível e estiver disposto a escutar, estará livre da dor. Enquanto não estiver disposto a escutar, nunca receberá em plenitude o “Pai Consciência Amorosa”.
(…) Vejo o duro esforço das pessoas, suas lágrimas e minha compaixão é sem limites. Você está sendo escutado, mas no contexto de sua consciência atual há pouco que eu possa fazer. Não posso liberá-lo das amarras e correntes de tantos anos de pensar e agir ignorantes. Vejo a dor que os sermões ignorantes perpetuam nas igrejas, nas celebrações e nos púlpitos. Vejo as nações e seus povos tentando resolver tenazmente as dificuldades que surgem dos valores, culturas e crenças religiosas tradicionais. Vejo as limitações em seu viver diário, a falta de satisfação de suas necessidades e de seus propósitos e o sofrimento que emana das relações de todo tipo.
A consciência coletiva que está emanando do mundo é um miasma de temores, ressentimentos, aborrecimentos e turbulência emocional de desejos apaixonados, vingança e esgotamento, entrelaçados com a compaixão, a determinação de elevar a consciência do mundo e o empenho na busca do amor incondicional daqueles que receberam inspiração e um grau de iluminação.
Aproximo-me das pessoas que me chamam e trabalho com elas para aliviar suas angústias, mas seu esquema mental e suas crenças estão tão fortemente gravadas em seus cérebros, que minha Verdade não pode alcançá-las para trazer novo conhecimento às suas mentes. Ainda que brevemente e de maneira imperfeita, muitas ouviram, faltou a elas, no entanto, a valentia para aceitar novas ideias e falar claramente. Além disso, não havia chegado o momento certo para atravessar as barreiras da consciência humana para ensiná-las.
Mas agora é o momento certo. Vocês entraram em uma nova distribuição de frequências vibratórias que permitirá mais facilmente elevarem-se acima da materialidade da era precedente. Esta afirmação pode parecer estranha, mas há uma reserva de conhecimento referente às energias que vocês ainda não começaram a entender. Neste momento, não há mente terrena capaz de compreender. Para vocês é possível apenas “imaginar” o espectro de energia, o que não é a verdade.
Assim, será de grande ajuda para você se puder aceitar minhas afirmações com confiança, porque elas são a verdade. Você está entrando em novas frequências de vibração pertencentes à “consciência humana”, que permitirão que siga adiante no desenvolvimento espiritual/mental”.

Sim, muito, muito mais precisa ser compreendido, absorvido, posto em prática, e ainda precisamos fazer com que muitas outras pessoas entrem em contato com a vibração das “Cartas”. Sinto que o STUM é uma parte essencial neste aspecto, pelo menos no mundo de língua portuguesa. A percepção que bate agora é a de que precisamos da sua ajuda, prezado leitor/leitora, da sua participação, da sua atitude para expandir a consciência das pessoas que falam nossa língua, transformando-se em formador de opinião, em consulente para a libertação e iluminação de seus pares. Sinta que este movimento não tem cunho comercial, muito pelo contrário. No site abrimos um Blog em destaque na Home, que sugere uma aprazível leitura diária, permitindo ainda comentar o conteúdo relevante; no site da Editora do livro já há para download gra tuito muito material, sendo que a 4ª Carta já está para ser publicada. A leitura… é muito mais que isso; levei meses para assimilar o seu conteúdo e estou agora na segunda rodada. Sei que irá muito, muito longe o estudo e mais a prática no dia-a-dia.
É deveras completo, abrangente e transformador o que estamos todos recebendo pelas “Cartas”, algo que está mudando totalmente a vida de quem percebe sua origem genuína e todo seu valor e que poderá também elevar sua consciência a níveis sublimes. Por gentileza, ajude, com total respeito e discernimento seu próximo; seja parte de uma corrente de conhecimento sem fim, sem preço, sem esperar nada em troca. Sua Alma agradece profundamente.
Se desejar adquirir o livro, acesse: www.cartasdecristobrasil.com.br
Em sintonia com o especial, sugiro assista a este curto (9 min) mas belíssimo vídeo.
Sim, somos um só!
Agradeço aqui os queridos e pacientes Guias e mais a turma toda que permite que o site exista: Rodolfo, Sandra, Teresa, Marcos, Anderson, Ian, Lidiane… e Você!
Namastê (O Deus que É em mim saúda o Deus que É em Você).
Sergio STUM
Participe, clique aqui e deixe seu comentário

ARTIGOS

· Mudar mesmo quando não acreditamos na mudança

· Momento para mudanças: Renovação

· Libertação

.

· Por favor, me ajuda!

· Ignorância

· Jesus-Sol

 

©STUM direitos reservados. Boletim Ano 13, Edição 559 – id: 504580.
Este boletim foi enviado para 798.798 assinantes.

CARTA AOS JORNALISTAS

Caríssima (modelo preferida), o Espiritismo chegou para desmistificar e sua função regeneradora, mesmo que tenha avançado pouco em relação a outras seitas, é DEIXAR A CARGO DE CADA UM o comando de sua própria evolução, eis a aplicação literal do sentido da admoestação de Jesus quando disse: E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

Quanto a vestimenta inadequada, o bom senso recomenda que uma mulher deve se apresentar com roupas que não mostrem suas curvas ou que deixem seios a mostra, pois quer queiramos ou não, não há homem que desvie o olhar aguçando a libido. Ou um rapaz com roupas colantes ou partes do corpo a mostra da mesma forma provoca nas mulheres efeitos semelhantes.

E num ambiente onde as pessoas se acotovelam quando tais corpos trafegam rentes aos demais o coisa fica pior ainda. E quando a mulher se curva  dar aqueles beijinhos carinhosos e suas nádegas quase rossam o rosto de quem está sentado atrás, estando ela com uma calça colante…

A melhor definição sobre tais práticas encontrei nos escritos de Orson Peter Carrara: “Na prática espírita não é preciso mesa, nem cadeiras, embora possamos utilizar por mera questão de conforto físico. A prática espírita dispensa qualquer objeto material pois está absolutamente centrada na consciência e nos sentimentos e a suposta cor da mesa ou da toalha que a reveste nenhuma influência ou poder exerce sobre as reuniões ou fenômenos que possam ocorrer. A expressão popular surgiu para diferenciar uma possível diferença entre o chamado “baixo” ou “alto” espiritismo. Bem, aí caímos em outro paradoxo, também fruto desse descompasso entre a realidade e o precário conhecimento popular…

…Por isso, caro leitor, quando ouvires tais expressões, considere que a pessoa que as pronuncia desconhece absolutamente o que seja o Espiritismo. Para constatar quando uma casa espírita esteja verdadeiramente inspirada pela Doutrina Espírita, verifique se suas práticas estão subordinadas ao bom senso, à lógica e principalmente ao bem geral, objetivo que deve nortear suas atividades.”

Afinal, adentramos ao ambiente para um contato mais íntimo com nossos protedores e irmãos do Mais Alto, ou o que?

De resto, mesa com toalha ou sem toalha, dá na mesma, pois não será pela cor do pano que se conhecem los hermanos e sim pelo grau alcançado por cada um deles, se é que me entende.

Veja o que disse Jesus: “Cuidado com os mestres da lei. Eles fazem questão de andar com roupas especiais, e gostam muito de receber saudações nas praças e de ocupar os lugares mais importantes nas sinagogas e os lugares de honra nos banquetes.” – Lucas – 20:46

Em tempo: Como se trata de um assunto deveras salutar estou encaminhando também para nosso irmão Octávio que conhece de cor e salteado sobre o assunto.

Vale lembrar ainda que expressão “de cor e salteado” é do tempo de nossos avós, quando se decorava tabuada e as respostas dos questionários. Como quem decora só sabe de cor e na ordem que decorou. A expressão surge para explicar que a pessoa sabe na ordem decorada ou em qualquer outra ordem. Sabe bem, sabe tudo.

DEVANIR

Gostei do artigo, deveras esclarecedor.

Valerá uma leitura sem pressa.

DEVANIR

Subject: ESPIRITISMO:CARTA AOS JORNALISTAS

 

 

ENTENDENDO O HINO DA MAÇONARIA*

*Da luz que de si difunde*****
*Sagrada Filosofia*****
*Surgiu no mundo assombrado*****
*A pura Maçonaria*****
** **
A Idade Média é considerada a “idade das trevas”, os “mil anos de
escuridão”, pois a Igreja Católica impedia a evolução da ciência e
controlava a educação, promovendo a submissão da razão em nome da fé.

Após o fim da Idade Média, tem-se a Idade Moderna, na qual surgiram o Iluminismo e a Maçonaria. A Maçonaria é considerada, junto de outras instituições, a responsável pela difusão do ideal de livre busca da verdade.****
*
Maçons, alerta!  *]****
*Tendes firmeza*  ]     *Refrão*****
*Vingais direitos  *]****
*Da natureza       *]****
** **
Os “direitos da natureza” são os direitos naturais, defendidos pelos
jusnaturalistas. Trata-se dos direitos considerados próprios do ser humano,
independente de época e lugar. Entre esses direitos, destaca-se os direitos
a vida, a liberdade, a resistência à opressão, e a busca da felicidade.
Esses direitos foram, em outras épocas, tomados do homem através da tirania
e do fanatismo. E cada maçom deve defendê-los. ****
** **
*Da razão parto sublime*****
*Sacros cultos merecia*****
*Altos heróis adoraram*****
*A pura Maçonaria*****
** **
A alegoria da caverna, de Platão, mostra o homem cego e acorrentado pelas
amarras da ignorância, e ensina que a descoberta do mundo deve se dar de
forma gradativa. O homem ao sair da caverna sofre como um recém-nascido
quando do parto, mas ambos ganham um mundo novo. Após os anos de “mundo
assombrado”, a humanidade assiste o nascimento da Maçonaria, uma Ordem cujos ritos cultuam a razão, retirando homens da caverna da ignorância e
dando-lhes a luz de uma nova vida. Talvez por isso da Maçonaria ser berço de
tantos heróis e libertadores. ****
** **
*(Refrão)*****
** **
*Da razão suntuoso Templo*****
*Um grande Rei erigia*****
*Foi então instituída*****
*A pura Maçonaria*****
** **
O grande Rei erigindo um suntuoso Templo da razão é o Rei Salomão, tido como
possuidor de toda a sabedoria. E é da construção de seu templo que
alegoricamente foi instituída a Maçonaria, visto ter na lenda dessa
construção o terreno fértil para a transmissão de muitos de seus
ensinamentos.  ****
** **
*(Refrão)*****
** **
*Nobres inventos não morrem*****
*Vencem do tempo a porfia*****
*Há de séculos afrontar*****
*A pura Maçonaria*****
** **
“Porfia” significa “disputa”. Apenas as ideias nobres vencem a disputa
contra o tempo. A Maçonaria, por sua nobreza de ideais, tem sobrevivido ao
passar dos séculos, ao contrário de muitas outras instituições que
sucumbiram diante do tempo, sempre implacável.****
** **
*(Refrão)*****
** **
*Humanos sacros direitos*****
*Que calcara a tirania*****
*Vai ufana restaurando*****
*A pura Maçonaria*****
** **
“Calcar” significa “pisotear”, “esmagar”, enquanto que “ufana” significa
“orgulhosa”, “triunfante”. Em outras palavras, a estrofe diz que: a pura
Maçonaria vai triunfante restaurando os sagrados direitos humanos que foram
pisoteados pela tirania. ****
** **
*(Refrão)*****
** **
*Da luz depósito augusto*****
*Recatando a hipocrisia*****
*Guarda em si com o zelo santo*****
*A pura Maçonaria*****
A Maçonaria guarda em si, com o devido cuidado, a luz da razão. Em seu
interior, a hipocrisia é “recatada” (quieta, tímida, envergonhada), enquanto
que a verdade é exaltada. A razão, duas vezes citada no hino, está
diretamente ligada à verdade, esta o oposto da hipocrisia, pois não existe
razão sem verdade, assim como a verdade só é encontrada com a razão. ****
*(Refrão)*****
** **
*Cautelosa esconde e nega*****
*À profana gente ímpia*****
*Seus Mistérios majestosos*****
*A pura Maçonaria*****
** **
A Maçonaria mantém seu caráter sigiloso e grupo seleto em proteção de seus
augustos mistérios, para que aquelas pessoas ofensivas ao que é digno não
possam alcançá-los.****
** **
*(Refrão)*****
** **
*Do mundo o Grande Arquiteto*****
*Que o mesmo mundo alumia*****
*Propício, protege e ampara*****
*A pura Maçonaria*****
** **
E por fim, a Maçonaria é posta como instituição sagrada, da qual o próprio
Grande Arquiteto do Universo é favorável, e por isso a protege.****
** **
*(Refrão)*****
** **
** **
*COMENTÁRIOS FINAIS:*****
Questão interessante sobre esse Hino, que recebeu o nome genérico de “Hino
da Maçonaria” por não ter sido originalmente nomeado, é quanto a sua
autoria. Várias fontes maçônicas o colocam como sendo letra e música de D.
Pedro I. Não há documento algum que corrobore com essa teoria. Outras tantas
fontes, inclusive o GOB, apontam o autor como sendo Otaviano Bastos, o que é
impossível. O próprio Otaviano escreveu em sua obra “Pequena Enciclopédia
Maçônica” que a música é de D. Pedro I, mas a letra é de autor desconhecido.
****
Há ainda outra questão relacionada ao hino e que merece atenção. Alguns
escritores que se propuseram a interpretar o hino, ao se depararem com o
termo “recatando a hipocrisia”, não compreendendo seu real significado,
cometeram o gravíssimo erro de modificar a letra do hino para “recatada da
hipocrisia”, de forma que o hino pudesse se encaixar devidamente aos seus
entendimentos, em vez do contrário. Ora, imagine modificar a letra de um
hino musicado por D. Pedro I, cujo valor histórico e maçônico é
incalculável, para se alcançar a interpretação desejada… é o que podemos
chamar de “estupro da história”. ****
** **
*CONSULTAS:*****
GUIMARÃES, José Maurício: Dissecando o Hino da Maçonaria. Portal “Formadores
de Opinião” e Portal “Samaúma”.****
RIBEIRO, João Guilherme da C.: O Livro dos Dias 2012. 16a Edição. Infinity.*
***
RUP, Rodolfo: O Hino Maçônico Brasileiro. Portal Maçônico “Samaúma”.****

**************

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s