Macro Visão

Se você não está conseguindo visualizar este e-mail, clique aqui.

Informativo eletrônico – Edição 1147

Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2013

 

Prezado leitor,

Você está recebendo o Macro Visão. Veja os destaques desta edição:

Economia Brasileira

· IGP-M desacelera em janeiro e avança 0,34%

Economia Internacional

· Confiança na economia da Zona do Euro supera as expectativas dos analistas

IGP-M desacelera em janeiro e avança 0,34%

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) apresentou variação mensal de 0,34% em janeiro, informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) na manhã de hoje (30/01). O indicador, que serve de referência para reajustes de contratos, apresentou desaceleração ante a alta de dezembro (0,68%). No acumulado de 12 meses o IGP-M registrou avanço de 7,91%.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), com peso de 60% na formação do IGP-M, contribuiu expressivamente para a desaceleração do indicador. A elevação mensal do IPA passou de 0,73% em dezembro para 0,11% em janeiro, mudança influenciada pela deflação dos produtos agropecuários, cujo indicador partiu da alta de 1,40% em dezembro e registrou queda de 0,62% em janeiro. No mesmo período, os produtos industriais desaceleraram de 0,46% para 0,40%.

Já o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que responde por 30% do indicador geral, acelerou de 0,73% para 0,98% de dezembro para janeiro, puxado pela alta do grupo Alimentação (1,97%). Por fim, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), com peso de 10% no IGP-M, avançou 0,39% em janeiro, variação superior àquela de 0,29% apresentada no mês imediatamente anterior.

Confiança na economia da Zona do Euro supera as expectativas dos analistas

A confiança na economia da Zona do Euro, divulgada pela Comissão Europeia hoje pela manhã (30/01), surpreendeu os economistas, ao atingir 89,2 pontos em janeiro, quando o esperado pelo mercado era de 88,2 pontos. O índice avançou 1,4 ponto em relação a dezembro, apresentando o melhor nível desde junho de 2012. No entanto, o índice está bem abaixo da média de longo prazo (100,00 pontos).

O índice de confiança da indústria também mostrou suave melhora, ao passar de -14,2 pontos em dezembro para -13,9 pontos em janeiro. De forma geral, as empresas do setor apontam para aumento da produção nos próximos meses. Aos poucos os resultados apresentados pela economia da Zona do Euro tornam os agentes econômicos mais otimistas, a despeito do baixo dinamismo da atividade econômica na região.

Relatório divulgado em 28/01/2013

IPCA (%)

5,47

5,65

5,67

(4)

IGP-DI (%)

5,34

5,20

5,19

(2)

IGP-M (%)

5,31

5,31

5,26

(2)

IPC-Fipe (%)

4,88

4,89

4,96

(2)

Taxa de Câmbio – fim de período (R$/US$)

2,09

2,08

2,07

(1)

Taxa de Câmbio – média do período(R$/US$)

2,07

2,06

2,05

(1)

Meta da Taxa Selic – fim de período (%aa)

7,25

7,25

7,25

=

(11)

Meta da Taxa Selic – média do período (%aa)

7,25

7,25

7,25

=

(11)

Dívida Líquida do Setor Público(% do PIB)

34,00

34,00

34,00

=

(17)

PIB (% do crescimento)

3,30

3,19

3,10

(4)

Produção Industrial (% do crescimento)

3,50

3,24

3,10

(1)

Conta Corrente (US$ bilhões)

-63,00

-63,00

-61,96

(2)

Balança Comercial (US$ bilhões)

15,22

15,43

17,75

(1)

Invest. Estrangeiro Direto (US$ bilhões)

60,00

60,00

60,00

=

(7)

Preços Administrados (%)

3,35

3,34

3,20

=

(1)

*comportamento dos indicadores desde o último Relatório de Mercado; os valores entre parênteses expressam o número de semanas em que vem ocorrendo o último comportamento ( aumento, diminuição ou = estabilidade)

Fonte: Banco Central do Brasil – Relatório de Mercado/Focus.

O Boletim Focus é uma pesquisa realizada pelo Banco Central do Brasil com as principais instituições financeiras do País. Todas as estimativas ali apresentadas devem ser examinadas com bastante cautela, pois não significam compromisso do BACEN nem expressam a opinião da FIESP/CIESP.

Elaboração FIESP/CIESP
Com exceção dos indicadores marcados com *, os dados de 2005 a 2007 foram revisados pelo IBGE.

 

Copyright © 2011 Fiesp. Todos os direitos reservados.

Dúvidas e sugestões, clique aqui.

Se você não deseja mais receber esse informativo, clique aqui.

Macro Visão é uma publicação da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) e
do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP)

Av. Paulista, 1313 – 5º andar – Cep 01311-923 – Tel.: 11 3549-4316
Diretor Titular do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos: Paulo Francini

APRESENTAÇÃO QUE A CADILLAC REALIZOU NA CHINA.

ASSISTAM A APRESENTAÇÃO QUE A CADILLAC REALIZOU NA CHINA…..loucura….!!!!!!

http://www.youtube.com/watch_popup?v=SbuDRA4zNbw

Se você não está conseguindo visualizar este e-mail, clique aqui.

Informativo eletrônico – Edição 1145

Segunda-Feira, 28 de Janeiro de 2013

 

Prezado leitor,

Você está recebendo o Macro Visão. Veja os destaques desta edição:

Economia Brasileira

· Focus – Pesquisa de mercado

· IPC-Fipe acelera na 3° prévia de janeiro

Focus – Pesquisa de mercado

O Boletim Focus, publicado pelo Banco Central na manhã de hoje (28/01), registra a quarta semana consecutiva em que as expectativas para o desempenho do PIB decrescem. A previsão para o indicador é de alta de 3,10% em 2013, nível inferior ao patamar de 3,19% apresentado na semana passada. Por sua vez, as expectativas para o IPCA apontam aumento de 5,67% em 2013, levemente superior ao esperado na semana anterior (5,65%), evidenciando a quarta semana seguida de revisões altistas para o índice.

As previsões para a média da taxa Selic e a Dívida Liquida do Setor Público se mantiveram constantes. O mercado estima manutenção do nível de 7,25% para a taxa básica de juros, e de 34,00% para a relação da dívida líquida sobre o PIB.

A previsão para o crescimento da Produção Industrial (3,10%) está em um nível inferior ao registrado na semana precedente (3,24%). Já os indicadores que mensuram de forma direta a relação do Brasil com economias externas mostraram melhora frente às projeções anteriores, dada a previsão de superávit de US$ 16,75 bilhões para a balança comercial e de déficit de US$ 61,96 bilhões em conta corrente, sendo que as expectativas para a semana passada eram de US$ 15,43 bilhões e US$ 63,00 bilhões, respectivamente.

IPC-Fipe acelera na 3° prévia de janeiro

O IPC-Fipe, que mensura a inflação para a cidade de São Paulo, acelerou na 3° prévia de janeiro, de 0,96% para 1,04%. A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) divulgou os dados na manhã de hoje (28/01), e destacou as variações dos grupos Educação (4,23%), que contribuiu com 14,74% na elevação total do IPC-FIPE, e Alimentação (2,10%), responsável por 46,00% da variação global.

O grupo de Despesas Pessoais também se destacou, já que contribuiu com 25,38% na variação total do indicador e obteve alta de 2,23% na 3ª prévia de janeiro. Por outro lado, apenas o grupo Vestuário registrou queda, retraindo em 0,77%. Todos os demais grupos registram altas: o grupo Saúde acelerou de 0,19% para 0,29%, enquanto que Transporte (de 0,17% para 0,16%) e Habitação (de 0,51% para 0,43%) desaceleraram.

Relatório divulgado em 28/01/2013

IPCA (%)

5,47

5,65

5,67

(4)

IGP-DI (%)

5,34

5,20

5,19

(2)

IGP-M (%)

5,31

5,31

5,26

(2)

IPC-Fipe (%)

4,88

4,89

4,96

(2)

Taxa de Câmbio – fim de período (R$/US$)

2,09

2,08

2,07

(1)

Taxa de Câmbio – média do período(R$/US$)

2,07

2,06

2,05

(1)

Meta da Taxa Selic – fim de período (%aa)

7,25

7,25

7,25

=

(11)

Meta da Taxa Selic – média do período (%aa)

7,25

7,25

7,25

=

(11)

Dívida Líquida do Setor Público(% do PIB)

34,00

34,00

34,00

=

(17)

PIB (% do crescimento)

3,30

3,19

3,10

(4)

Produção Industrial (% do crescimento)

3,50

3,24

3,10

(1)

Conta Corrente (US$ bilhões)

-63,00

-63,00

-61,96

(2)

Balança Comercial (US$ bilhões)

15,22

15,43

17,75

(1)

Invest. Estrangeiro Direto (US$ bilhões)

60,00

60,00

60,00

=

(7)

Preços Administrados (%)

3,35

3,34

3,20

=

(1)

*comportamento dos indicadores desde o último Relatório de Mercado; os valores entre parênteses expressam o número de semanas em que vem ocorrendo o último comportamento ( aumento, diminuição ou = estabilidade)

Fonte: Banco Central do Brasil – Relatório de Mercado/Focus.

O Boletim Focus é uma pesquisa realizada pelo Banco Central do Brasil com as principais instituições financeiras do País. Todas as estimativas ali apresentadas devem ser examinadas com bastante cautela, pois não significam compromisso do BACEN nem expressam a opinião da FIESP/CIESP.

Elaboração FIESP/CIESP
Com exceção dos indicadores marcados com *, os dados de 2005 a 2007 foram revisados pelo IBGE.

 

Copyright © 2011 Fiesp. Todos os direitos reservados.

Dúvidas e sugestões, clique aqui.

Se você não deseja mais receber esse informativo, clique aqui.

Macro Visão é uma publicação da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) e
do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP)

Av. Paulista, 1313 – 5º andar – Cep 01311-923 – Tel.: 11 3549-4316
Diretor Titular do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos: Paulo Francini

show de caricaturas!

clip_image001
clip_image002
clip_image003
clip_image004
clip_image005
clip_image006
clip_image007
clip_image008
clip_image009
clip_image010
clip_image011
clip_image012
clip_image013
clip_image014
clip_image015
clip_image016

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s